junho 23, 2024

O que é a conjunção se?

– Se será conjunção condicional quando iniciar uma oração subordinada adverbial condicional, em que se expressa uma hipótese ou condição necessária para que se realize ou não a ação principal. Eis exemplos de conjunções e locuções conjuntivas condicionais: se, caso, desde que, etc.

Qual é o pronome de se?

O pronome "se" pode ter várias funções diferentes da oração. Vejamos todas: 01) Pronome Reflexivo; O pronome se será reflexivo, quando o sujeito praticar a ação sobre si mesmo; será reflexivo recíproco, quando um elemento praticar a ação sobre outro, e o outro praticar a ação sobre o "um".

Qual é a função sintática do pronome se na frase?

O se não apresenta nenhuma função sintática, sendo desnecessário para compreender a oração. Ocorre na presença de verbos intransitivos ou que deem noção de movimento ou atitudes do homem em relação ao próprio corpo. Exemplos: Gabriela achou melhor sentar-se logo.

Quando o se é integrante?

Partícula “se” como conjunção integrante

Os mais comum é ver essa conjunção introduzindo orações de natureza objetiva direta ou subjetiva. Quando ocorrer essa espécie, o verbo ser empregado no modo indicativo. Exemplo: Paula não mencionou (VTD) se João voltaria ou não (oração subordinada substantiva objetiva direta).
Em cache

Qual é a função do SE?

Funções do pronome “se” Entre as funções do “se”, estão as de pronome reflexivo e apassivador. Além disso, essa palavra pode ser conjunção, indeterminar o sujeito ou ser uma partícula de realce.

Que tipo de conjunção E se?

Condicionais: iniciam orações subordinadas estabelecendo relação de condição em relação a outra oração. As principais conjunções subordinativas adverbiais condicionais são “se”, “caso”, “desde que”.

Qual é o verbo se?

Para indicar que o objeto da ação é a mesma pessoa que o sujeito que a pratica, é obrigatória a concordância em pessoa entre o pronome reflexivo e a pessoa à qual se refere. O pronome "se" torna-se, portanto, parte integrante dos verbos reflexivos.

Como usar a conjunção se?

Se – Conheça as funções dessa palavra

  1. Conjunção: quando relaciona entre si duas orações. …
  2. Partícula expletiva ou realce: quando pode ser retirada da frase sem prejuízo algum no sentido da oração. …
  3. Parte integrante do verbo: faz parte dos verbos pronominais: queixar-se; apiedar-se, arrepender-se, zangar-se; romper-se, etc.

Como identificar a partícula se?

A partícula se pode aparecer na frase como: • Partícula apassivadora: Forma a voz passiva sintética (ou pronominal), juntando- se a verbos transitivos diretos. O verbo concorda com o sujeito. Exemplos: Vende-se casa.

Que é a partícula se?

A partícula se pode aparecer na frase como: • Partícula apassivadora: Forma a voz passiva sintética (ou pronominal), juntando- se a verbos transitivos diretos. O verbo concorda com o sujeito. Exemplos: Vende-se casa. Vendem-se casas.

Qual é o sentido da palavra se?

Significado de Se

pronome Expressa reciprocidade; indica a ação do verbo cujo sujeito é alterado: Capitu penteava-se em frente ao espelho. Indica indeterminação; algo ou alguém indefinido: ainda não se sabe o resultado?

Quando o se é conjunção condicional?

Enquanto conjunção, o "se" indica a idéia de condição, possibilidade; por isso, é uma conjunção condicional. É possível, portanto, iniciar uma sentença com uma oração condicional, ou seja, impondo-se uma condição para que um fato ocorra.

Quais são as funções do pronome SE?

Conhecido também como pronome impessoalizador, símbolo de indeterminação do sujeito, ou ainda como pronome indeterminador do sujeito, sempre aparece junto ao verbo intransitivo, transitivo indireto ou de ligação. Pode até aparecer junto ao verbo transitivo direto, contanto que o objeto direto venha preposicionado.

Quando o se é sujeito?

A palavra "se", quando empregada junto a verbos intransitivos ou transitivos indiretos, não exerce qualquer função sintática na oração. A sua forma está sendo empregada tão somente para marcar um sujeito indeterminado. Exemplos: Morre-se de fome.

O que é o pronome Apassivador se?

A Partícula Apassivadora é a forma de utilizar o pronome “se” com o verbo na voz passiva, ou seja, recebendo a ação em vez de praticá-la. Obrigatoriamente ela existe mediante a seguinte construção: Partícula Apassivadora = pronome apassivador "se" + verbo transitivo direto ou verbo transitivo direto e indireto.

Como saber se o se é pronome Apassivador?

O pronome se será chamado de partícula apassivadora quando estiver junto de verbo transitivo direto acompanhado de objeto direto, que se tornará o sujeito paciente. Compram-se carros usados. = Carros usados são comprados. Esperou-se o tempo necessário.

Quando o se não é pronome?

Também chamado de Índice de indeterminação do sujeito, é utilizado em frases cujo sujeito é indeterminado, e por muitos gramáticos não é considerado um pronome. Exemplos: Precisa-se de vendedor. Vive-se um dia de cada vez.

Quando o se é sujeito indeterminado?

A palavra "se", quando empregada junto a verbos intransitivos ou transitivos indiretos, não exerce qualquer função sintática na oração. A sua forma está sendo empregada tão somente para marcar um sujeito indeterminado. Exemplos: Morre-se de fome.