Vale uma nota rápida: foi anunciado hoje pelo seu criador e editor, Gareb Shamus, que a prestigiada revista Wizard deixará de ser publicada nos Estados Unidos.

Criada em 1991, sempre foi especializada em notícias e matérias sobre os quadrinhos mainstream norte-americanos.

No Brasil, teve três versões: a primeira pela Editora Globo, em seguida uma única edição pela Editora Hangar e por último foi editada pela Panini, até que em um litígio judicial com uma escola de idiomas teve que mudar de nome para Wizmania, tendo sobrevida curta depois disso.

Em press release Shamus diz que em fevereiro será lançada a revista digital Wizard Word.

Não por acaso, é o mesmo caminho já tomado por outras publicações de peso sobre quadrinhos, como a francesa Bodoi.

Até mesmo o gigante da imprensa brasileira, Jornal do Brasil, abandonou o papel pela versão digital.

Ainda bem que o Quadro a Quadro já começou digital. Assim ninguém vai falar que estamos falindo.

Fontes: Bleeding Cool e Newsarama.

 

 

 

— Não gosta de falar sobre si mesmo, mas a sua orelha queima quando estão falando dele.