GRIaP11

Não lembro muito bem quando comecei a ler Bear mas, acredito que foi no início desse ano, e desde então , não parei mais de ler . Toda terça-feira  uma página do web quadrinho é lançado na internet e já virou uma rotina  no meu dia-a-dia pois, terça-feira é dia de Bear! E aproveitando a grande notícia que Dimas e Raven vão  transcender o mundo digital para o impresso, o Quadro a Quadro entrevistou a autora, Bianca Pinheiro sobre o universo mágico de um filhote humano que  se perdeu dos pais e ao longo de sua busca encontra um urso mau humorado e vegetariano que a ajuda em uma jornada de volta para casa. Assim sendo, boa leitura e espero que gostem da entrevista.

 

Como surgiu Bear?

Surgiu como uma maneira de me manter produzindo quadrinhos mesmo tendo que trabalhar mais de 8h por dia e chegando em casa tarde e exausta. Publicando semanalmente eu podia fazer com mais calma as páginas e ainda receber o feedback imediato dos leitores.

A4UiVBYComo foi o processo de criação de Dimas e Raven?

Eu decidi primeiro que minha história seria algo leve, com aventuras e situações engraçadas. Então o que decidi primeiro seria que a história contaria uma jornada em busca de algo. O que decidi logo em seguida, quase que instantaneamente, era que tinha que ser um urso e uma criança, os personagens nessa jornada.

Logo nos primeiros esboços deles eu já cheguei onde queria. Raven foi quem demorou um pouco mais. E mesmo assim, eles já mudaram bastante das primeiras páginas para as páginas atuais. Estão cada vez mais como eu gostaria que eles fossem! 🙂

 

Quais foram suas maiores inspirações ?

Primeiro, outras webcomics. Foi com elas que percebi que nem só de tiras vive um quadrinho online. A saber: Nimona e Hemlock, minhas duas grandes inspirações iniciais. Emily Carroll e suas histórias curtas online também me ajudou muito! Depois busquei minhas inspirações em desenhos como Hora de Aventura, em jogos e desenhos da minha infância. Eu queria que tivesse referências a coisas que eu assistia e assisto ainda.

 

Qual seu quadrinho favorito?

Que pergunta difícil! Mas vamos lá. Atualmente meu quadrinho online favorito é His Face All Red, da Emilly Carroll. Mas qualquer coisa que ela faça eu amo demais. Minha webcomic favorita é Nimona. Meu quadrinho impresso favorito é Três Sombras, eu acho. Mas me sinto injusta de deixa Desobediência do Azul, A Caixa de Areia e Umbigo Sem Fundo de fora. Pra ser sincera, eu me sinto injusta deixando muita coisa de fora, aqui.

 

Qual seu personagem favorito?

Tem que ser de quadrinhos? Acho que não sei qual é o personagem de quadrinho que mais gosto. Talvez a Mafalda. Ou a Patty Pimentinha da turma do Charlie Brown. Ou a Gata Garota, da Fefê Torquato. Mas se for de séries ou filmes ou livros… meu Deus, são tantas! Vou ficar com a Elphaba, de Wicked, como minha personagem favorita de todos os tempos. Mas que fique aqui registrado que peço perdão às outras personagens que não escolhi mas que também adoro.

 

Que conselho você daria para alguém que está começando agora?

Faça! Produza! Foi o melhor conselho que me deram e eu o repasso a todos. Produzir é a melhor coisa que você pode fazer. Ninguém chega a lugar algum se não produzir.

 

Como aconteceu a parceria com a Nemo?

O diretor da Nemo me mandou um e-mail perguntando se eu tinha planos de imprimir BEAR. A partir daí foi um pulo. Eu ja vinha pensando em publicar porque as pessoas que leem estavam pedindo já fazia um tempo. O convite veio em boa hora!

Já tem previsão do lançamento de Bear impresso?

Olha, não tenho data definida ainda não. Mas acredito que seja pra Agosto. Final de Agosto desse ano. 🙂

1505241_418004515012027_2108053776_n