A memória, esta incrível capacidade de adquirir, reter e recuperar informações, é uma traidora. Além de se focar em coisas específicas (nem sempre as que gostaríamos, ou precisaríamos), essa enganadora deteriora-se com a idade! Pior, ela costuma interagir com outros processos mentais, como a imaginação, e misturar o que foi com o que gostaríamos que...