Na noite de ontem, finalmente pude apreciar o prazer de ler a edição comemorativa da criminologa mais charmosa que esse país já conheceu: J. Kendall – Aventuras de uma criminóloga #100 trouxe-me parte de um sono apaziguante, pois convenhamos, como não se encantar por uma personagem que foi baseada na Audrey Hepburn? Logo de cara,...