Em 2013, uma das coisas que mais conversamos entre a equipe do Quadro a Quadro foi a qualidade do trabalho de Clayton, vencedor da seleção aberta ao público para a antologia Máquina 0. Um trabalho realmente primoroso, tanto na arte quanto na narrativa.

E uma das minhas primeiras felicidades em 2014 é saber que o jovem está com um projeto no Catarse, o Hurulla.

05 capa

Segundo o próprio Clayton, vários adjetivos cercam o homem conhecido como Hurulla. Maldito, honrado, mercenário, aventureiro, cavaleiro ou desocupado. Mas quem é Hurulla? Ambientado num mundo de Fantasia, cheios de reinos esplendorosos, golpes de espadas e muita feitiçaria. Seguimos a saga de um homem que vive com o peso de suas escolhas, perseguido pelo passado. Perambulando por um mundo repleto de perigos e mistério.

01 pag 0705 pag 10

Uma breve amostra de Hurulla pode ser conferido nessa pequena história que está no link a seguir: 

http://www.4shared.com/office/hqFIeuobce/hurulla_web.html

Hurulla está sendo produzido em parceria com a editora Devaneio, uma editora com propostas bem interessantes para jovens autores. Neste caso, o Clayton fica responsável pela produção do quadrinhos e a editora pela distribuição. 

 

Confira a página do projeto no Catarse, as recompensas e apoie este projeto. Vale mesmo a pena.

— Adalton nasceu no último dia de uma lua cheia, mas acha que isso não tem nenhuma relação com a sua vida; começou comprando quadrinhos por puro modismo - uma edição da Turma da Mônica parodiando Jurassic Park; sua primeira compra consciente foi a edição nº 01 de Batman: A queda do Morcego, ainda formatinho. Acredita que irá terminar a graduação em Letras antes da catástrofe de 2012 e daqui até lá está estudando parte das traduções intersemióticas das peças de Shakespeare já produzidas. E nos interlúdios, tenta produzir roteiros a partir idéias rabiscadas em antigos pedaços de papel.