Desde janeiro deste ano a revista Ozadia vem realizando eventos itinerantes junto com a Saga Sexual de Agrippino Motta, espetáculo que circulou em alguns espaços alternativos de Salvador no ano de 2012. Neste mês de fevereiro o show, com lançamento da revista, será na Casa Preta (Rua Areal de Cima, nº 40) – espaço que sedia a Companhia Vila Vox de Teatro e que tem dinamizado a vida cultural do Largo Dois de Julho nos últimos anos. O evento acontece na sexta-feira, dia 21 de fevereiro, às 20h, com ingressos a R$12,00 (R$6,00 a meia entrada). 

ozadia 2

A Saga Sexual de Agrippino Motta é uma leitura dramática de uma novela pornográfica autoral, entremeada de execuções ao vivo de clássicos da música popular brasileira marginal como Walter Franco, Tom ZéÁlvaro Lemos, Arrigo Barnabé, além de composições próprias e inéditas.

A narrativa conta a história do menino do interior que teve sua primeira vez com uma bananeira, depois casou e jurou nunca ser fiel e via filmes pornôs em manhãs ensolaradas de sábado.O conto é escrito com muito sexo, humor e rebeldia, buscando um discurso franco, direto e sem rodeios, às vezes escancaradamente indecente – e mais baratos que uma hora de motel. 

ozadia capa

Já a Revista Ozadia é uma iniciativa do Quadro a Quadro de produzir literatura pornográfica em quadrinhos com um sotaque baiano, cheio de xibietagem e "lá-eles", estando ainda em seu número de laboratório.

 

SERVIÇO 

O Que? – A Saga Sexual de Agrippino Motta & lançamento itinerante da Revista Ozadia 

Onde? – Casa Preta(Rua Areal de Cima, nº40, Largo Dois de Julho) 

Quando? – Sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014, 20h, ingressos a R$12,00/R$6,00 

— Adalton nasceu no último dia de uma lua cheia, mas acha que isso não tem nenhuma relação com a sua vida; começou comprando quadrinhos por puro modismo - uma edição da Turma da Mônica parodiando Jurassic Park; sua primeira compra consciente foi a edição nº 01 de Batman: A queda do Morcego, ainda formatinho. Acredita que irá terminar a graduação em Letras antes da catástrofe de 2012 e daqui até lá está estudando parte das traduções intersemióticas das peças de Shakespeare já produzidas. E nos interlúdios, tenta produzir roteiros a partir idéias rabiscadas em antigos pedaços de papel.