Desenhistas se reúnem para homenagear o roteirista Wilson Vieira e produzem uma magistral revista em quadrinho!

A ideia partiu do desenhista Daniel Brandão, que considera Vieira o responsável maior por esse lançamento. A revista Strano foi editada por Brandão, que ilustrou uma das histórias e fez a arte da capa.

Para Daniel Brandão, Wilson Vieira é um mestre na arte dos roteiros e por isso selecionou os roteiros dele para compor a revista.

Daniel Brandão ilustrou a história "A extorsão", uma HQ de época, com gangsters e o "Al Capone em pessoa!". Um thriller que mostra que nem tudo nessa vida tem um preço.

Quando Daniel Brandão soube que essa história só seria publicada na Itália e em Portugal, não teve dúvidas em editar a revista no Brasil e convidou os desenhistas Allan Goldman e Fred Macêdo para participarem dessa especialíssima edição.

Allan Goldman desenhou a HQ "Coulrophobia", uma história alucinante que pergunta: "você já desejou algum dia que seus sonhos se transformassem em realidade?"

A última história da publicação tem arte de Fred Macêdo. A HQ "Evolution" apresenta uma trama de ficção científica sobre os primórdios da humanidade.

Essas são as três histórias que compõem o mix da revista STRANO. Uma edição divertida e despretensiosa que apresenta o trabalho de Wilson Vieira, desenhista e argumentista brasileiro com mais de 36 anos de experiência.

Os autores:

Wilson Vieira ► Entre os anos de 1973 e 1980, participou como colaborador do estúdio Staff di IF em Gênova, Itália, ilustrando alguns episódios de "Il Piccolo Ranger" para a Sergio Bonelli Editore (SBE), "Diabolik", "Tarzan", e o "Homem-Aranha". É também o autor da saga "Cangaceiros – Homens de Couro", e da série western "Gringo", assim como autor de inúmeros outros roteiros. Atualmente Wilson Vieira escreve, escreve e escreve…

Daniel Brandão ► Artista nato, descobriu seu caminho quando participou da Oficina de Quadrinhos da Universidade Federal do Ceará. Lá publicou pela primeira vezna revista Pium, em 1995.

Seu primeiro trabalho profissional foi com o Capitão Rapadura, criação do cartunista Mino. É o co-criador da revista independente Manicomics que faturou três prêmios HQ Mix. No ano 2000, Daniel estou na Joe Kubert School, em Nova Jérsei. Lá, publicou na DC Comics e foi premiado pela Dark Horse. Fez diversos trabalhos para várias editoras e desenhou grandes personagens como Quarteto Fantástico e X-men em uma série de cards. Em 2009 foi um dos 50 artistas que participaram do projeto MSP 50 em homenagem aMauricio de Sousa.

Desde 1998 ministra aulas de desenho e quadrinhos no Estúdio Daniel Brandão de Quadrinhos e artes gráficas.

Allan Goldman ► Tem trabalhos publicados no "Manicomics", "Shon Bury's Nox", "The Phantom" (Moonstone), "Omac", "Action Comics", "Superman", "Liga da Justiça", "Novos Titãs", "Superman & Batman", "Mulher Maravilha" (DC Comics), além de inúmeros quadrinhos, capas e ilustrações para revistas independentes em países como Brasil, França e Itália.

Fred Macêdo ► Começou na Oficina de Quadrinhos da Universidade Federal do Ceará. Em 2005 tem sua primeira história publicada na revista "Pium", publicação tradicionalmente ligada ao curso e cuja tiragem foi de 1.000 exemplares.

Recebe o convite para publicar no fanzine Manicomics, várias vezes campeão do Troféu HQ Mix, editado pelos prestigiados quadrinhistas cearenses Daniel BrandãoJJ Marreiro e Geraldo Borges. Desenhou uma adaptação de um álbum da banda "Iron Maiden". Conhece através de seu fotolog o conceituado artista, roteirista e tradutor Wilson Vieira, que trabalhou por sete anos no concorrido e prestigiado mercado italiano. A dupla passa a publicar suas história através do site italiano Progetto Fumetto. Primeiro o Western-Terror Kwi-Uktena e em seguida a Ficção Científica Evolution. Ambas saem em 2007 em edição bilíngüe (português-italiano). A primeira história é publicada posteriormente na revista Prismarte e prevista para sair na revista argentina Con-Hache ainda neste ano. Acertam a publicação da segunda história na revista portuguesa BD Jornal, também com previsão para 2008. Publica também em parceria com Wilson Vieira a história O Ceifeiro na edição de lançamento da revista TEX BR # 01, editada por Gervásio Santana de Freitas do Portal do Tex, site especializado em quadrinhos, particularmente naqueles da Bonelli Editore, e posteriormente na revista italiana Valhalla. Ilustra para o Jornal Diário do Nordeste matérias sobre quadrinhos e cultura. Atualmente continua sua contribuição com a revista Universidade Pública e está envolvido em outros projetos desde quadrinhos à ilustrações de livros, além de dar aulas de desenho.

— Lucas Pimenta queria ser Martin Mystère. Não queria uma pistola de raios e sim a capacidade de enrolar uma noiva da mesma maneira...