Eu posso achar que seus cortes de cabelo são ridículos. Posso ter certeza que o Pelé é melhor do que o Maradona. Posso achar que eles são loucos por reelegerem a Cristina Kirchner  e que as Malvinas estão melhor como Falklands, mesmo. Posso odiar os taxistas de Buenos Aires, mas algumas coisas temos que admitir: 1) eles sabem preparar carnes como ninguém e 2) em matéria de quadrinhos eles estão entre os melhores do mundo.

O que dizer se Hugo Pratt foi para a Argentina aprender a fazer quadrinhos? Se é lá que surgiu o Eternauta (pra mim, a maior HQ já feita)? Se eles tiveram Oesterheld (pra mim, o maior roteirista de quadrinhos de todos os tempos), Carlos Trillo, Alberto Breccia, Solano Lopez, Fontanarossa. Se eles têm Enrique Breccia, Eduardo Risso, Linier, Salvador Sanz e, um dos grandes mestres dos quadrinhos argentinos de todos os tempos: HORACIO ALTUNA, esse simpático senhor que nos presenteou com uma bonita ilustração quando visitou o Brasil no ano passado.

E é com muita honra que a exibimos aqui na Galeria Quadro a Quadro.

— Não gosta de falar sobre si mesmo, mas a sua orelha queima quando estão falando dele.