Em meio a tantos convidados ilustres que irão comparecer do Festival Internacional de Quadrinhos, que acontecerá de 13 a 17 de novembro deste ano, um em especial ganhará uma homenagem bem bacana.

FIQ-de-George-Perez

No blog do evento eles divulgaram a proposta dessa homenagem que, em um texto bem prático, expõe a idéia:

"Fato: o George Pérez estará no FIQ 2013. Enquanto você tentava lidar com isso, alguns quadrinistas começaram a organizar uma ação para homenageá-lo. A ideia, que veio por meio de Will, do coletivo Petisco, e Guilherme Kroll, da Balão Editorial, é a seguinte:

Já que nosso convidado adora um cosplay, no sábado, dia 16 de novembro, todo mundo (que quiser) vai se vestir com uma camisa (bem) estampada, daquelas usadas pelo próprio George Pérez. Tá fácil, né?!

Mas a ideia foi além e resolveram criar uma ilustração coletiva. Entenda:

Quem quiser participar, deve fazer um desenho do George Pérez e enviar para fiquede@gmail.com até dia 1° de outubro. É bem simples. Pode ser caricatura, realista, na pose que escolher e no estilo de cada autor! Os desenhos serão montados em torno da ilustração inicial de Will, que abriu a campanha, formando um grande painel, como aquelas famosas páginas duplas desenhadas pelo próprio George Pérez, repletas de personagens.

O convite, aberto a todos os desenhistas, exige algumas regras. Envie seu “George Pérez” em arquivo JPG, com 300 DPI de resolução, tamanho A4, RGB e assinado. É que no final, será feita uma única impressão para entregarmos a ele, como um presente de todos.

A criatividade está liberada, mas lembre-se que é uma homenagem!"

george-perez-001

Então para todos aqueles que pretendem ir ao FIQ 2013 e quiser participar da homenagem, vão procurando aquela camisa de botão estampada daquele jeito que o Pérez adora e fazer uma caricatura dele para ficar que nem esse poster aqui:

crisis-on-infinite-earths

— Adalton nasceu no último dia de uma lua cheia, mas acha que isso não tem nenhuma relação com a sua vida; começou comprando quadrinhos por puro modismo - uma edição da Turma da Mônica parodiando Jurassic Park; sua primeira compra consciente foi a edição nº 01 de Batman: A queda do Morcego, ainda formatinho. Acredita que irá terminar a graduação em Letras antes da catástrofe de 2012 e daqui até lá está estudando parte das traduções intersemióticas das peças de Shakespeare já produzidas. E nos interlúdios, tenta produzir roteiros a partir idéias rabiscadas em antigos pedaços de papel.