Já faz algum tempo que venho acompanhando as aventuras e também as desventuras amorosas de Valente. Não me recordo ao certo de quando tive meu primeiro contato com as tirinhas dele, mas me lembro como se fosse ontem de quando comprei meu primeiro exemplar encadernado, na RV, uma das comic shops daqui de Salvador, foi uma felicidade só.

Para encontrar o segundo volume, a tarefa não chegou a ser tão árdua, apesar da espera para tê-lo em mãos ter sido grande, pois fiquei esperando que ele chegasse em Salvador, mas no final das contas acabei enconmendando-o pela Monkix. Sou paciente para muitas coisas, menos para esperar quadrinhos!

 No entanto, foi numa visitinha costumeira a banca de revista próxima da minha residência, acompanhada do meu noivo (ô Pedro que escreve também para o site) que nos deparamos com uma grata surpresa: encontramos alguns exemplares de Valente à venda por lá. Pois é, graças a batalha do Vitor, o cãozinho Valente que em outro momento era tão dfícil de ser encontrado, agora pode lhe fazer companhia na banca mais próxima. 

A felicidade na hora foi tanta que até tiramos uma foto! Confere aí:

20140104_181442v2

Parabéns Vitor pela conquista e que venham muitas outras!