Dois cursos agitam BH no final do mês de agosto:

Curso “Histórias em quadrinhos de ficção científica" no HQueijo Comics (Rua Alumínio, 129, Belo Horizonte) – 27 de agosto, das 14:00 às 16:30. As inscrições no curso “Histórias em quadrinhos de ficção científica" serão feitas através do e-mail hqueijo.bh@gmail.com. O curso tem a taxa simbólica de inscrição de 10,00. Serão emitidos certificados de participação.

Número de vagas: 30 Ministrante: Prof. Msc. Márcio dos Santos Rodrigues (Pesquisador de Histórias em Quadrinhos/Mestre em História pela UFMG) O minicurso examina temas recorrentes nas Histórias em quadrinhos de ficção científica de diferentes tradições, desde o começo do século XX aos dias atuais. Discuto a contribuição de quadrinistas na construção de ideias de como nosso mundo pode e/ou poderia ser em decorrência da presença incontestável e inevitável da ciência, da técnica e da tecnologia. Apresento HQs que levantam e exploram temas socialmente relevantes da ciência e seus impactos sobre a realidade que nos cerca. Destaco o imaginário constituído em torno dos perigos da ciência, as especulações sobre universos possíveis, as relações entre sociedade e tecnologia e a problematização da condição humana em uma cultura tecnológica.

13936659_1246023778743612_735622745_n

Curso “Histórias em quadrinhos e temas sociais em debate" no HQueijo Comics (Rua Alumínio, 129, Belo Horizonte) – 26 de agosto, das 19:00 às 21:30. As inscrições no curso “Histórias em quadrinhos e temas sociais em debate" serão feitas através do e-mail hqueijo.bh@gmail.com. O curso tem a taxa simbólica de inscrição de 10,00. Serão emitidos certificados de participação. Número de vagas: 30 Ministrante: Prof. Msc. Márcio dos Santos Rodrigues (Pesquisador de Histórias em Quadrinhos/Mestre em História pela UFMG) O minicurso tem como objetivo apresentar e discutir a relação das Histórias em quadrinhos com temas sociais e questões políticas da contemporaneidade. Considerando-os como uma prática cultural, uma forma de traduzir ideias, percepções e experiências acerca de assuntos caros ao mundo social, analiso em que medida alguns quadrinhos levantaram polêmicas, hastearam bandeiras e engendraram opiniões sobre temas importantes da agenda política atual, como os direitos de grupos minoritários (mulheres, negros, indígenas e LGBTTQI) e a representatividade feminina nas HQs. Discuto, além disso, os usos e abusos dessa prática cultural no atual cenário religioso. Haverá ainda espaço para discutir a respeito tanto das peculiaridades construtivas quanto da recepção dos quadrinhos

— Dani Marino é formada em Letras e ainda não decidiu se prefere viver no Sonhar, em Nárnia ou em Hogwarts.