Quadrinhos na Cia. anunciou o lançamento de Asterios Polyp, álbum de David Mazzucchelli que foi condecorado nas maiores premiações do mundo dos quadrinhos: Eisner (melhor álbum, melhor autor e melhor letrista), Harvey (melhor álbum inédito, melhor história curta ou isolada, melhor letrista) e Angoulême (prêmio especial do júri).

[Press Release]

Ao lado de nomes como Frank Miller, Alan Moore e Neil Gaiman, o artista David Mazzucchelli foi um dos grandes responsáveis pela revolução nos quadrinhos no fim da década de 1980. Seu trabalho em séries como Demolidor: O homem sem medo e Batman: Ano 1 até hoje é referência do que foi feito de melhor no campo dos super-heróis.

Depois de anos publicando apenas pequenas histórias autorais, Mazzucchelli voltou-se para esta que é a mais ambiciosa de suas histórias. Asterios Polyp é ao mesmo tempo um estudo sobre as possibilidades narrativas dos quadrinhos, um livro de design, estética, filosofia e, por que não, humor. Tudo isso sem sacrificar a trama, tão envolvente quanto os desenhos do autor.

O Asterios do título é um arquiteto de cinquenta anos, cujo renome vem exclusivamente de seus trabalhos teóricos. Mulherengo, misógino e de uma arrogância quase inacreditável, ele vê seu passado se esfacelar após um incêndio que consome sua casa.

Tendo salvado apenas uns poucos objetos pessoais, Asterios parte numa viagem de ônibus, até onde o dinheiro em seu bolso puder levá-lo. No coração dos Estados Unidos, ele encontrará uma nova família, enquanto coloca em perspectiva os principais acontecimentos de sua vida.

Quem conta a história de Asterios é Ignazio, seu irmão gêmeo natimorto. A partir desse contraponto, Mazzucchelli cria um verdadeiro jogo de espelhos, uma trama ao mesmo tempo densa — que permite diversas leituras — e fluida como um bom romance.

Para narrar a vida desse personagem complexo e multifacetado, Mazzucchelli levou a linguagem dos quadrinhos a um novo patamar, e na aparente simplicidade do traço se esconde um trabalho maduro e uma poderosa reflexão sobre o sentido dos relacionamentos, da arte, da família e, em última instância, da vida. 

***

David Mazzucchelli nasceu nos Estados Unidos, em 1960. Trabalhou com artistas como Denny O'Neil Frank Miller, e adaptou o romance Cidade de vidro, de Paul Auster, para os quadrinhos. Asterios Polyp é seu mais ambicioso e elogiado trabalho.

Romance gráfico

Tradução: Daniel Pellizzari

344 páginas.

19,7 x 26 cm

R$ 63,00

Previsão de lançamento: 10/10/2011

 

— Lucas Pimenta queria ser Martin Mystère. Não queria uma pistola de raios e sim a capacidade de enrolar uma noiva da mesma maneira...