Não é de hoje, que o cinema tem sofrido uma crescente falta de originalidade. Tanto que os filmes que geram mais lucros para indústria cinematográfica são na grande maioria adaptações de livros, quadrinhos ou remakes. Segundo o site Cinema com Rapadura, dos 50 filmes de maior bilheteria dessa década, somente oito possuem roteiro original, sendo que seis deles são animações e os outros dois são live-actions.

Também não é exagero dizer que a sétima arte deve muito a nona arte, só para se ter uma ideia, de 2012 para 2013 somente falando do circuito comercial de cinema, foram e serão levados a telona, doze filmes baseados em histórias em quadrinhos.

A relação entre cinema e quadrinho existe há bastante tempo, contudo há certa dúvida sobre o primeiro quadrinho que foi adaptado para o cinema, de um lado estão aqueles que dizem que foi Flash Gordon em 1936, e do outro aqueles que acreditam ter sido Ally Sloper produzido em 1898.

Enquanto a sétima arte está em crise de originalidade, a nona arte segue cheia de criatividade e para não me deixar mentir, fiz esta lista logo abaixo, de alguns filmes que passaram no cinema e provavelmente muita gente não ficou sabendo que se tratava de uma adaptação de quadrinho.

Então prepare a pipoca e chame os amigos para uma sessão quadrinística de cinema.

 

Titeuf, O filme (Titeuf, le film) – Animação francesa, dirigida pelo próprio autor do quadrinho, Zep. Chegou as salas de cinema do Brasil, em março deste ano e foi produzida em 2010.

tm27011

Aya (Aya de Youpougon) – Animação francesa, também dirigida pelos autores da obra original, Marguerite Abouet (roteirista) e Clément Oubrerie (ilustrador). Ainda está para chegar aos cinemas brasileiros e foi produzida em 2011.

Valsa com Bashir (Vals Im Bashir) – Documentário animado, dirigido por Ari Folman, que também roteirista da obra original. Foi produzido em 2008 e chegou as telonas em 2009.

O Gato do Rabino (Le Chat du Rabbin) – Mais uma animação francesa, que teve sua direção pelo autor do próprio quadrinho, Joann Sfar. Foi produzida em 2011 e chegou aos cinemas em 2012.

Persépolis (Persepolis) – Animação autobiográfica de Marjane Satrapi que também dirige a obra ao lado de Vicent Paronnaud. Foi produzida em 2007 e chegou aos cinemas em 2008.

30 Dias de Noite (30 Days of Night) – Filme de terror baseado na graphic novel de Steve Niles e Ben Templesmith, dirigido por David Slade. Produzido em 2007 e estrelado por Josh Hartnett.

O Procurado (Wanted) – Filme de ação baseado na obra de Mark Millar, J.G. Jones e Paul Mounts. Dirigido pelo diretor russo Timur Bekmambetov. Foi produzido em 2008 e lançado no mesmo ano. É estrelado por Angelina Jolie e James McAvoy. O enredo do filme diverge muito da narrativa vista nos quadrinhos, exceto pelo fato de Wesley Gibson (o protagonista) ser um completo bundão no começo da história.

300 – Dirigido por Zack Snyder (Man of Steel e Watchmen) o longa é baseado nos quadrinhos de Frank Miller e Lynn Varley. Produzido em 2006 e lançado em 2007, o elenco da película contava com Gerard Butler e o ator brasileiro Rodrigo Santoro.

Terror na Antártida (Whiteout) – Longa-metragem baseado na obra de Greg Rucka e Steve Lieber, dirigido por Dominic Sena. Foi produzido em 2009 e chegou as telonas no mesmo ano. O filme arrecadou US$ 35 milhões e foi estrelado pela atriz britânica Kate Beckinsale.

A Liga Extraordinária (The League of Extraordinary Gentleman) – Baseado na obra de Alan Moore e Kevin O’Neill, dirigido por  Stephen Norrington. Produzido em 2003 e lançado no mesmo ano. No Brasil, o filme vendeu 892.032 ingressos e foi estrelado por Sean Connery.

As Múmias do Faraó (Adéle Blanc – Sec) – Filme baseado no quadrinho “As Aventuras Extraordinária de Adéle Blanc – Sec”, do autor francês Jacques Tardi. Chegou aos cinemas em 2010. Foi dirigido por Luc Besson.

As Tartarugas Ninja (Tennage Mutant Ninja Turtle) – Nascidas nos quadrinhos na década de 80 as Tartarugas Ninjas foram criadas pela dupla de desenhistas Kevin Eastman e Peter Laird. A série rendeu três adaptações em live-action e um longa animado. O primeiro filme foi para as telonas em 1990 e foi dirigido por Steven Barron, já o segundo filme intitulado “As Tartarugas Ninja II – O Segredo de Oozi” estreou nos cinemas em 1991 e foi dirigido por Michael Pressman e em 1992 foi a vez do terceiro live-action dos répteis comedores de pizzas, “As Tartarugas Ninja III”, dirigido por Stuard Guillard. E no ano de 2007 foi a vez do longa animado, “ As Tartarugas Ninja – O Retorno”, dirigido por Kevin Munroe.

Do Inferno (From Hell) – Baseado na obra de Alan Moore e Eddie Campbell. Dirigida por Allen Hughes e estrelada por Johnny Depp. Chegou aos cinemas em 2001.

constantine

Constatine – Baseado no quadrinho Hellblazer, que tem como personagem principal John Constantine. A obra foi criada por Alan Moore, Steve Bissette e Jamie Delano. O longa-metragem passou nas telonas em 2005, foi dirigido por Francis Lawrence e estrelado por Keanu Reeves.

A Família Addams (The Addams Family) – Teve sua origem como cartum, na revista “The New Yorker”, criada por Charles Addams. Foi adaptada para uma série de tevê e ganhou duas animações, a primeira em 1973 e a segunda em 1992. Já nos cinemas foi adaptado em dois filmes live-action. O primeiro estreou nas grandes telas, em 1991, foi dirigido por Barry Sonnenfeld. E o segundo longa também dirigido por Barry, foi denominado “The Addams Family Values”, e teve seu lançamento em 1993.

MIB Homens de Preto (Men in Black) – O filme é baseado na história em quadrinhos “Men in Black”, criada por Lowell Cunningham. O quadrinho rendeu três live-actions de sucesso. A série de filmes foi dirigida por Barry Sonnenfeld, o primeiro filme foi lançado em 1997 e fez sucesso nas premiações, ganhou o Oscar de melhor maquiagem e foi indicado no Globo de Ouro e no Grammy. Já o segundo chegou aos cinemas em 2002 e o terceiro foi lançado em 2012, alcançado a bilheteria de 2.734.038 ingressos vendidos, somente no Brasil.

tintinAs Aventuras de Tintim – Nosso repórter belga e seu companheiro Milu são personagens criados pelo saudoso Hergé. As Aventuras de Tintim (Les Aventures Tintin) é composto por 24 álbuns, sendo que o primeiro, “ As Aventuras de Tintim no País dos Sovietes” foi publicado em 1929, no suplemento infantil “ Le Petit Vingtiéme” e o último volume da coleção “Tintim e a Alfa Arte” não chegou a ser finalizado. Hergé faleceu em 3 de março de 1983 antes do seu 24° álbum ser concluído.

A primeira vez que Tintim foi levado as tela de cinema foi em 1947 no longa animado, “O Caranguejo das Pinças de Ouro” e em 1961, o repórter topetudo adquiriu seu primeiro live-action, “ Tintin et Mystére de la Tosion de’ or” e três anos depois o topetudo voltou as salas de cinema com mais um live-action, “Tintin et les  Oranges Bleues”. E em 1969 Tintim conquistou mais uma animação “Tintim e o Templo do Sol”, e em 1972 outro longa animado chegou as grandes telas, “Tintim e o Lago dos Tubarões”.  E em 2012, dirigido por Steven Spielberg, meu querido repórter que mais toma pancada na cabeça no mundo, ganhou um longa animado em 3D, “The Adventures of Tintin: Secret of the Unicorn”.

O Corvo (The Crow) – É um filme baseado no quadrinho de mesmo nome, “The Crow”, criado por James O’ Barr. Considerado o quadrinho independente mais vendido da história, com mais de 750 mil exemplares vendidos, segundo o portal Ambrosia. O longa-metragem foi lançado em 1994, dirigido por Alex Proyas e estrelado por Brandon Lee. O Corvo rendeu mais dois filmes, mas é melhor nem comentar, apagar esses dois da memória é a melhor coisa a se fazer.

Os Smurfs (The Smurfs) – Papai Smurf, Smurfete, Robusto e companhia são compatriotas do nosso querido Tintim. “Les Schtroumpfs” é um quadrinho Belga, criado por Pierre Culliford, que assina suas obras, como Peyo.  A primeira aparição de papai smurf e sua turma foi em 1958, na história de outro personagem do mesmo autor dos Smurfs, “Johan et Pirlout”, publicada em “ Le Journal de Spirou”. Mas os simpáticos duendes azuis fizeram tanto sucesso que em 1959, conquistaram seu próprio álbum.  Em 2011, Os Smurfs ganharam seu primeiro filme, que foi dirigido por Raja Gosnell e estrelado por Neil Patrick Harris.  E nesse ano, nossos amiguinhos azuis voltaram para o cinema com “Os Smurfs 2”, mantendo Raja Gosnell na direção.

oldboy

Old Boy – É o segundo filme da trilogia da vingança do diretor sul-coreano, Chan-Wook Park ou Park Chan-Wook. Os filmes que compõe a obra são: Mr. Vingança (Simpathy for Mr.Vegeance), que é o primeiro filme e Lady Vingança, que fecha a trilogia. Porém, Old Boy originalmente é um mangá, criado por Garon Tsuchiya e Nobuaki Minegishi. O quadrinho japonês é composto de oito volumes e é publicado aqui no Brasil, pela editora Nova Sampa.

Agora, quero saber de vocês também algum filme baseado em quadrinhos que lhe pegou de surpresa, ou seja, algum que você só tenha descoberto depois de ter assistido, que se tratava de uma adaptação, usem os comentários a vontade!